Bugs em jogos! Quais são os reais problemas?

E aí meu povo, como vocês estão?

Por aqui, como virou rotina começar meu blog assim a correria esta insana! Muitas coisas boas nas duas frentes, poker e esports.

Pelo lado do Poker domingo anunciarei a segunda etapa da Akkari Series of Poker, uma série de torneios voltada para quem está na mesma situação que eu estava quando comecei a jogar poker, duro kkkkk. Freerolls e torneios de U$0.55 todos os dias com prêmios garantidos em dinheiro real.

Vá no meu insta domingo que farei uma live para anunciar tudo!

Mas vamos ao assunto que dominou a semana do CSGO nacional e internacional.

Não vou explicar desde o começo pois acho que quem esta vindo para este artigo vendo o título já teve algum conhecimento sobre o assunto no geral, mas em um grande resumo, uma empresa organizadora de torneios veio a público com uma punição severa em três treinadores por terem se beneficiado de um bug no jogo CSGO, produzido pela Valve, e gerado vantagem contra seus adversários em alguns momentos. É um resumão para não explicar de ponta a ponta, lembre-se que não sou jornalista, é apenas um blog pessoal onde solto a minha opinião por também estar conectado ao mercado via Furia Esports. Para todas as linhas do começo desta história, os portais já divulgaram tudo exaustivamente, então dá uma busca rápida aí que você vai encontrar algo bem melhor do que eu faria aqui em termos jornalísticos.

Logo em seguida, o mesmo administrador, chamado Michau, que foi, creio eu, um dos responsáveis por gerar aquela punição, onde ele analisou diversos eventos até as conclusões, soltou também, um vídeo do Guerri, nosso head coach de CSGO da Furia, onde o mesmo bug teria acontecido na sua tela.

Pós este fato, fomos, eu e Jaime Pádua, cobrar satisfações imediatas do Guerri, nunca duvidando do seu caráter, mas pedindo explicações para sabermos tudo sobre o assunto e tomarmos todas as decisões necessárias.

Também para eu não relatar tudo o que aconteceu, em um resumão rápido, ele tinha tudo!
As comunicações do time, os jogos gravados na íntegra, e o mais rápido possível, foi a público e mostrou tudo de uma forma fantástica. O que o deixou em uma situação muito sólida, foi elogiado por todas no Brasil e fora, mas o ponto não é este do meu artigo, e sim soltar algumas opiniões. Vamos a elas;

Para mim são quatro problemas distintos, com pesos diferentes, e de verdade, acho que quando você analisa problemas os fragmentando você fica uma pessoa menos tendenciosa e mais equilibrada.

Problema 1: O BUG

Problema 2: A REAÇÃO DO COACH QUANDO O BUG ACONTECE

Problema 3: COMO AGIR INGAME DERIVADO DE SE TER O BUG

Problema 4: COMO SOLUCIONAR

Então vamos lá …

Problema 1 – O BUG

100% responsabilidade da Valve a produtora (publisher) do jogo. É um problema técnico, de desenvolvimento, também não posso me aprofundar muito tecnicamente mas é indiscutível, pelo menos para mim. Todos os coaches do mundo estão sujeitos a isto e nada podem fazer para solucionar o problema do jogo com o bug, podem reagir a ele de diversas formas, mas entrar no código do jogo e arrumar é responsabilidade da dona do jogo.

Ao meu ver, também não dá pra crucificar ao extremo a Valve, bugs acontecem em todos os serviços digitais, entretanto, o que me parece é que pela sensação da comunidade, o “desprezo” quanto ao lado esports do CSGO pela Valve é notório e histórico, ela não reage de forma rápida as estas situações. Fazendo justiça, pelo que ouvi, o bug já foi 100% corrigido, mas a rapidez com que você reage mostra o seu comprometimento com os problemas da sua companhia.

Creio que sim, a Valve poderia dar mais atenção a esta comunidade de forma eficaz! Empresas focam em lucro, mas a Valve mesmo que sem tanto interesse no esports, tem uma dívida por tanto sucesso com a comunidade competitiva e empresas com alma geram legados!

Porém, nenhum jogador, coach, organização, pode ser culpado, punido, por existir um bug no jogo, porém acho que isto todos concordam.

PROBLEMA 2 – A REAÇÃO DO COACH QUANDO O BUG ACONTECE

Tendo má intenção você só reage de uma forma, deixa o bug na tela e se aproveita, acabou! Fala para o seu time onde estão os inimigos, relata acontecimentos na posição da camera do bug e etc, FATO.

Sendo bem intencionado voce pode reagir de diversas formas, pode disconectar, pode dar alt+tab, pode desligar o computador, pode jogar o monitor na parede, porém, existem regras.
Se a regra é “tem que disconectar” então, tem que disconectar. Se a regra é “tem que chamar o adm”, então, tem que chamar o adm. FATO. Se na regra diz, quando discumprir a regra tal, a punição será X, Y ou Z, acabou. Não cumpriu a regra, paga punição.

No caso do Guerri tem que ser exatamente assim. Talvez, ele tenha sido beneficiado, porque o torneio foi a muito tempo atrás, o evento já acabou, o regulamento diz que regras só podem ser aplicadas em tempo X ou Y, sei lá só suposições, ou talvez, ele ainda técnicamente possa ser punido, pois no caso dele, no primeiro jogo que o bug aconteceu, ele disconectou e voltou, mas o bug persistiu, e logo em seguida o bug acabou e tudo voltou ao normal, orientado pelo primeiro jogo, no segundo quando aconteceu novamente, ele achou que voltaria e não voltou. Está certo o que ele fez? Eu entendi, mas se a regra não é esta, acabou, esta errado.

Se vai haver a punição ou não, é um problema técnico do regulamento e da organização do evento. Mas os fatos não mudam em relação a isto.

Existe apenas mais um ponto sobre o critério punição. O Guerri foi aclamado por toda a comunindade nacional e internacional pela clareza e profissionalismo com que expos o fato, talvez, invocando até outros coaches a fazer o mesmo, a partir do momento em que alguém o pune por fazer o certo, talvez iniba outros de fazer o mesmo proativamente. Entretanto, diga-se a verdade, o Guerri talvez não faria se o Michau não tivesse postado o vídeo, não por se omitir, que também não é o caso de outros técnicos mas por ou não lembrar, ou não ver necessidade de e etc. Sei lá! O que importa é que, fatos são fatos e acabou. O esporte só pode funcionar assim, com clareza e transparência total.


Problema 3: COMO AGIR INGAME DERIVADO DE SE TER O BUG

Aqui está o maior dos problemas, e sei que vocês todos, ou pelo menos os mais esclarecidos, sabem disto.

Bug é problema da Valve, regra é problema do organizador, e o ATO. Aí é problema seu amigo(a)!

O que você faz com o bug influencia diretamente a ação, o evento, a competição, a idoneidade do esporte. Você tem que tomar uma decisão difícil agora, a ocasião faz o ladrão, não é este o dito popular?

Como você prova que teve o bug mas não se beneficiou?

De diversas formas eu acho, mesmo sendo leigo de CSGO.

A melhor delas, a comunicação aberta do seu time. Se você usar da informação para alertar seu time ou orienta-lo, acabou, batom na cueca!

Claro que pode haver aquelas teorias da conspiração né, “ahhhh mas o cara pode não falar e fazer sinal, tipo truco, zap, copas, pisca o olho é meio fundo, lingua na bochecha é liga e L” para né, por favor. Teorias banais que nem valem a pena relevar.
Mas esta com dúvida?
Sim? Então vamos a segunda.

O MAPA. Ele resolve qualquer problema, olhou na camera, não tem aúdio do time, e seu time se mexe imediatamente após a camêra do coach ver o boneco, acabou. A quer ter mais certeza? Veja mais uma ação, e mais uma, e mais uma. Aconteceu? Fim de papo. Os juízes são 10.000 melhores que eu para avaliar isto, portanto, a leitura do jogo ajuda demais a tomada de decisão sobre a avaliação.

E o oposto vale também. No caso do Guerri, na primeira vez que a camêra dele bugou, se eu não me engano ele esta olhando o bomb A da Train completamente vazio, o que indica que todos os adversários estão na B, e a Furia indo toda para a B, obviamente se tivesse usando a informação, o time iria para a A vazia. Irrefutável a ponto dos próprios meninos da LG, concordarem e aplaudirem. Portanto, quando o oposto acontece, também serve como evidência.

O pepino é que este problema 3 na minha lista , é investigativo, e aí é complicado pra caramba.

Então Akkari, se o coach foi acusado, não deu disconnect, mexeu a camêra, mas perdeu o vídeo da comunicação aberta dos seus jogadores, ele é culpado?

É óbvio que não po, só uma mula acharia isto. Ele sim, quebrou as regras do ” avisar admin”, “disconnect” e etc, mas até aí sofra a punição e acabou. Todo jogo de futebol tem cartão amarelo e vermelho, são punições. Para culpa-lo tem q ser mais incisivo, ver o mapa, a dinâmica do jogo casada com a camêra dele, a comunicação do time se houver e etc.

Taxar alguém de ter se beneficiado está completamente errado enquanto você não conseguir provar, ainda mais diante de um erro do jogo que não a pessoa que ocasionou. Se o Guerri não tivesse tudo guardado, talvez sofreria esta injustiça, ainda bem que tem. Agora se o cara não tem ele é ladrão, não, só desorganizado e ponto.
Porém pagar o preço de uma punição de regra, é super mais tranquilo e justo, mas de mal caráter é outro patamar.


Problema 4: COMO SOLUCIONAR

O esports está crescendo muito e coisas deste tipo vão continuar acontecendo, é inevitável, no esporte tradicional isto acontece historicamente, imagina em um ambiente digital. Conflitos de interesse, apostas, problemas técnicos, quebra de regras, etc. Não existe solução!

A questão é como reagir a isto.

Na minha história no poker, passei por tantos momentos de crise, de ver injustiças, de sofrer processos. Já fui pra delegacia pq um delegado falou que eu era profissional de caça niquel, outra vez por que eu promovia jogo de azar, outra porque jogadores de poker eram quadrilhas que ganhavam dinheiro ilícito, dezenas, hora comigo e hora com grandes amigos e batalhadores que trouxeram o poker a ser esta potência que é hoje.

Sempre as saídas são as mesmas, clareza, ação e integridade.

Clareza nos fatos sempre salva tudo, salvar não é inocentar, salvar é ficar na melhor situação possível diante do fato. Todo mundo pode te acusar, te processar, fazer o que quiser, ser claro no caso é sempre a coisa mais inteligente, honesta e bonita a se fazer. Inclusive se você errou, seja claro, fale onde errou, onde não errou e conviva com suas ações.

Ação é, tome atitude, é a sua vida, não deixe os outros determinarem a sua vida. Faça o que tem que fazer em seu bem, da sua familia, do seus amigos, do seu esporte ou profissão e do bem geral.
Os organizadores de eventos, online ou LAN tem que ser impiedosos, agir rápido e temos que elogia-los quando assim fazem. Este Michau fez um trabalho bizarro e tem que ser lembrado por isto.

Integridade é nunca pense que para o seu bem você tenha que gerar o mal de alguém inocente. Seja íntegro, tenha bom senso e seja justo.

Sabe quem ajuda demais quando casos como este acontecem? Jornalistas!

Sabe aqueles mais chatos, chato estou falando no bom sentido. No mercado de CSGO tem uns jornalitas que fuçam, que falam, que não tem medo, que correm atrás. As vezes a gente fica puto com eles, no poker também tinha. Sabem uns Thorins, Richard Lewis, Roque, estes caras ajudam demais a regular o cenário. Você pode não gostar deles, principalmente no Brasil pq as vezes eles atacam de uma forma que não me parece equilibrada, mas sem dúvida, nestes momentos eles fazem um grande trabalho.

Direto eu vejo tweets dos gringos falando ” Os brasileiros bla bla bla” eu fico putoooo da vida, isto é segregar, é racismo, colocam todo mundo na mesma sacola, como se todos os brasileiros fossem X, ou todos os americanos fossem Y. Segregar é crime e hoje, os EUA está vendo reflexos cruéis de centenas de anos de racismo. Não são todos que fazem isto, é a minoria, então se você acha que jornalista é racista e segregador, você também esta indo nesta direção.

Entretanto, saí um pepino com um jogador, os caras tão lá apertando, e a publisher faz uma merda, eles tão lá de novo, aí sái um negócio de bug, lá estão eles de novo. Isto acaba por ajudando a regular o processo inteiro.

O principal: A comunidade!Esta é a mais poderosa força. Se você é apaixonado por CS tem que falar mesmo, tem que perguntar, questionar, cobrar, com os mesmos princípios, decência, integridade, mas tem que apertar. O jogo é feito e o esports para a comunidade, você membro da comunidade é quem paga a conta. Jogadores ganham dinheiro, organizações também, organizadores também, reporters também, você é o único que vive sua vida, e gasta dinheiro com isto, se você não cobrar, quem vai cobrar?

É isso meus amigos e amigas que queria dividir com vocês. Quando bater aquela vontade de escrever volto aqui com vocês, se vocês pedirem eu volto mais rápido, sabe como é né, todo mundo gosta de um chamego.

Grande abraço a todos,
André Akkari

2 comentários Adicione o seu

  1. Akkari, acho que toda essa história tem alguns problemas:
    1- Se você descobre um bug, por qual motivo você não comunica o responsável?
    2- Se você não comunica o responsável sobre a falha e sabe que o adversário pode estar tendo vantagens sobre você, você aceita isso sem falar nada pra ninguém? (mídia/companheiros de equipe/patrões).
    3- Gravações dos áudios in-game não são provas suficientes “na minha visão”, pois a comunicação pode acontecer sem problemas fora do TS/Discord/etc…. (quando digo isso, não estou dando indiretas ao Guerri, eu realmente acredito nele)
    Um abraço Velha, parabéns pela Fúria e estamos sempre na torcida por você nos panos verdes!

  2. Pedro Rodrigues disse:

    Belas opiniões.
    Concordo na íntegra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.