Estou em Tilt com o Brasil

E aí galera, beleza?

Hoje eu estava jogando o Main Event do LAPT Chile, aqui em Vina del Mare, e em um momento de calmaria com o celular na mão vendo o twitter comecei a ver as notícias do “panelasso” que teve no nosso país.
De um certa forma, o povo reagir contra a Presidente Dilma e tudo aquilo que esta nos enchendo de tapa na cara todos os dias é muito bacana de se ver, mas por outro lado, devo confessar que estou vivendo um dos momentos mais pessimistas e tristes em relação ao nosso país.

Eu me considero apaixonado pelo Brasil. Em 2009, eu e minha familia resolvemos mudar para Las Vegas, passar um ano apenas por lá para que as meninas pudessem aprender a falar inglês, para que eu mesmo melhorasse também o meu, pois assim minha carreira fluiria de forma mais sólida, para jogar poker é ultra necessário que se aprenda a falar inglês, mas não é este o ponto. A questão é que durante a minha estadia por lá, tudo era muito fantástico, segurança 100%, não tínhamos chances de ser assaltado ou assassinados. morávamos em um condomínio ultra barato a um preço infinitamente mais em conta do que no Brasil.

Mesmo assim, eu não estava feliz, me sentia meio que traindo meu país, sei lá, to ligado que tem gente que crítica, mas eu queria estar no Brasil, mesmo com as merdas todas, falta de segurança, corrupção, eu adoro demais o Brasil. Não é o país em si apenas, a terra, e sim as pessoas, meus amigos, galera do Tatuapé que cresceu e passa pelos mesmos pepinos que eu passo e sofrem com o resultado desta corrupção e falta de planejamento deslavado como eu também sofro. Estar longe deles parecia que eu havia abandonado a luta, sei lá, era uma parada esquisita.

No final do ano de 2009, como planejado, eu voltei. O tempo passa e o sentimento que eu tenho é que parece que não adianta amar tanto um país, nem tanto o povo que nele vive, parece que o país faz de tudo para que você perca este sentimento.

A política no Brasil chegou em um ponto no meu modo de ver, que é o ponto de vista de um trabalhador apenas, não faço nem mais mais nem menos do que todos que trabalham duro no nosso país, mas chegou em um momento de fazer qualquer patriota como eu desanimar de tudo. O que podemos esperar do nosso país? Pensa bem!

A muito compartilho isto com vocês aqui no blog, sempre tive mais afinidades com a esquerda do que com a direita. Gosto do não conservadorismo, pudera, sou jogador de poker profissional poxa, quer classe que precise mais de pensamentos modernos na sociedade do que esta para sobreviver? Gosto de pensar para frente, gosto de acreditar que ser atrevido, questionador, mas sempre aberto para o dialogo seja a forma certa de se resolver qualquer problema principalmente os sociais. Votei muito no PT, votei no Lula, sim, eu acreditei que ele era o cara. Eu acredito que o Brasil necessita de um forte pensamento social, tirar mais de quem tem mais e entregar para quem tem menos, projetar futuro para os mais necessitados é fundamental. Matar a fome é fundamental, eu gosto do Bolsa Familia, sei que vocês podem me xingar mas foda-se, eu gosto, você não gosta pq não passou fome, eu também não, mas tento imaginar, pra quem passou deve ser o maior pesadelo do mundo, mas desta forma não porra, do jeito que fizeram não dá. Mesmo se os fins justificam os meios, tudo tem limite.

Por outro lado confesso nunca ter estudado muito política, sempre tive que correr demais com as missões que a vida foi me colocando, o que não é desculpa para não estudar pq acho que isto seja dever de todo cidadão, mas não vejo vergonha em admitir que nunca tenha entrado a fundo neste assunto. Entretanto, tenho o mesmo direito de cobrar, elogiar, criticar, que qualquer outro cidadão que paga seus impostos. Sendo assim, confesso estar passando pelo meu momento de vida mais pessimista em relação ao Brasil.

Consigo enxergar coisas positivas. Diferente do que muitos acham, eu juro que acredito que hoje, mesmo com este nojo descarado do escândalo da Petrobrás, operação lava jato, Metrô e etc, acho que termos acesso a tudo isto mostra uma tendência de se abrir informação, julgamentos e etc como jamais tivemos no Brasil. Transformar isto em mérito do PT também acho um equívoco muito grande, muito pelo contrário, o PT esta envolvido de cabeça em toda esta sujeira. Agora os nomes que estão nas listas que apareceram mostra que tudo isto esta muito longe de ser obra apenas do Partido dos Trabalhadores. Tá todo mundo lá galera, é triste demais …

Agora, o que esperar?

Eu juro para vocês que mesmo sendo um cara de natureza otimista, nestes dias o país me deu o golpe mais forte que eu tomei até hoje. Não consigo ver saída. Não sei o que poderia acontecer até o final de 2015, ou em 2016 que possa soar para a população que o país esteja tomando um rumo que indica uma saúde de longo prazo.
Estou desanimado como empresário. Já que a carga tributária aplicada nos dois negócios que estou envolvido, são matadoras de qualquer negócio que possa vislumbrar bom futuro. Estou desanimado como pai, como marido, pois a qualquer momento a violência em SP esta tão alta que vivo com o medo de receber um telefonema triste sobre assalto ou qualquer coisa assim, estou desanimado como cidadão pois vejo que nada, absolutamente nada do que servimos o Estado com impostos nos retorna em forma de benefício mínimo que seja em nenhuma área de administração pública, estou desanimado pra caralho.

Meu blog sempre tentou ser uma fonte de inspiração para as pessoas, mas hoje confesso que não estou conseguindo.

Qual o remédio? Tirar a Dilma do poder? Acredito que não, juro que acredito que não, isto só afundaria mais o nosso país. A Dilma foi colocada lá pelo poder do voto, não o meu, mas é de suma importância que defendamos a democracia, ela é a luz no fim do túnel. Mas vamos supor que tira-la seja o caminho, e aí? Quem assume? Volto a lembrar, veja a lista de pessoas envolvidas na operação Lava Jato e na tal lista do tal Banco multi nacional que prefiro não citar nomes, de novo, esta todo mundo lá galera.

Sabe o que me traria de novo esperança, um novo partido! Um partido que tivessem pessoas que eu realmente enxergasse que nós temos saída de longo prazo. Podiam se manifestar os estudantes, termos estudantes ativos no Brasil, afinal de contas o Brasil do futuro é deles. A população podia relatar todos os passos dos políticos que ela mesmo votou ao invés de julgar os que ela não votou. Veja o que esta fazendo hoje o cara que você votou, aperta ele, xinga, cobra, e não você de esquerda acordar para falar mal da direita e vice e versa. O Brasileiro podia usar a rede social com inteligência e não desta forma burra que usamos, feita para gerar ódio e maldade, feita para pessoas que não tem coragem de falar nada na cara uma das outras xingarem e se quebrarem atrás de um teclado. Por que não cobrar as contas públicas na internet, pq não pedir twitcams e hangouts dos seus políticos de dentro dos seus gabinetes para falarem sobre os projetos que estão trabalhando no momento?

Você que xinga os outros a qualquer custo, você que passa o dia no Facebook procurando algum petista para falar que ele é ladrão ou algum tucano para falar que ele é coxinha, você é o retrato desta classe política brasileira, saiba disto meu amigo(a). Os caras que estão lá em cima tem muito disto que você tem. Eles não estão nem aí com outros, eles querem que os outros se fodam. Eles roubam para promover os “deles” contra os outros que são “contra” e para isto vale tudo. Vale xingar, depreciar, humilhar e para eles lá em cima, vale roubar. Mas é incrível, você não vai enxergar isto certo?

Agora talvez a coisa que mais me intriga, estava eu conversando com meu parceiro Cauê que trabalha com mídias sociais para o PokerStars e nossa maior indagação é como estes caras que estão no olho deste furacão de corrupção e escândalos conseguem dormir? Imagina a vida destes caras galera? Eu sei que vocês vão falar que dormem bem pq enchem o bolso de dinheiro mas eu não acho que seja assim não, acho que deve ser um sofrimento enorme, olhar na cara dos seus filhos, netos e saber que você desviou 100 milhões da Petrobrás, ou do Metro de São Paulo, ou seja lá de qual parte do menu de tramóias que eles oferecem para nós no Brasil. O que vocês acham? Entretanto, você que abre o seu facebook e xinga de FDP, Petista Corno, Ladrão, ou Tucano Safado, FPD, consegue ao final do seu dia dormir numa boa certo? Então deve ser mais fácil de verdade para você entender a nossa classe política do que para para este que vos escreve.

Eu de verdade não sei o que esperar do Brasil. Sei sim, que no longo prazo a única saída é educação, mas como chegar lá eu não sei. Queria conhecer pessoas engajadas, pessoas que vejam esta luz no fim do túnel, eu era um que costumava promover demais isto mas hoje não estou enxergando. Torço para que uma força política me mostre que vale a pena ser fiel a ela, que tenha princípios louváveis, pelo menos a honestidade, quem sabe, não nasce algum partido novo, alguma força nova. Estou muito fácil, quero acreditar e me animar de novo, mas o momento é de tristeza. Nem mesmo músicos questionadores nós temos mais, antes tínhamos músicos atrevidos que espetavam o tempo todo o Governo corrupto, hoje nem isto temos mais, parece que o Brasil esta inteirinho como estava a seleção quando tomou 7 gols da Alemanha, vocês não sentem isto? Eu tb! Mas pelo menos eu falo isto aqui.

Eu torço para o Corinthians e me sinto mal pela construção do estádio, eu critico a Dilma mas me sinto mal pois com isso apoio o PSDB, eu falo mal do PSDB pelo escândalo do Metro e lista de lava jato mas me sinto péssimo pois com isso dou força para o PT, eu votei no Lula e me sinto um merda, eu votei no Aécio e li as matérias da lista, eu votei no Eduardo Jorge e vejo que ele só fala merda no twitter, eu queria votar na Marina e mudei de idéia quando ela por perder dois pontos na pesquisa anunciou o décimo terceiro do Bolsa Família. eu juro, estou em tilt completo. Tudo me envergonha neste momento!

Muitos amigos estão mudando de país, será? É esta a solução? Ou é ficar e lutar? Mas de fato nós lutamos? Na minha opinião nós não fazemos é porra nenhuma. Como ajudamos o Brasil a crescer? Vocês podem falar, trabalhando certo? mas a situação é feia, é emergência, só isto não ajuda, somente uma força tarefa nacional resolveria, e você tá afim de fazer? Quem está? Pois é, sei lá, eu mesmo que eu estivesse, que nem sei se estou, não faço a mínima idéia por onde começar. O básico eu faço, escrever algo aqui, ensinar as minhas filhas os princípios de honestidade e idoneidade que eu aprendi e que me trouxeram até onde cheguei mas sinceramente acho que isto não resolve em nada, ajuda bem pouco, mas não resolve.

Bom, é isto senhoras e senhores, se vocês estão em um momento de vida mais otimista do que o meu me ajudem a sair do tilt!

Grande abraço a vocês todos, povo brasileiro, somente o saudosismo da alegria do povo brasileiro é que me traz ainda grande orgulho!
André Akkari

41 comentários sobre “Estou em Tilt com o Brasil

  1. É Akkari, é difícil imaginar uma solução para este país. Também sou empresário como você e não vislumbro como é que sairemos dessa sitiação. Alta carga tributária, violência, saúde quase morta, educação quase alfabeta, problemas gravíssimos de infra-estrutura, e não esqueçamos das dezenas de casos de corrupção (isso os casos que chegam a nosso conhecimento). Assim como meu pai, a cada dia que passa me envergonho mais de ser brasileiro. Que futuro terá nossos filhos? Como você também sou pai r já desisti de ter o segundo filho por causa da situação de nosso país. Acho que só nos resta tentarmos fazer o nosso melhor, e torcer que todos, todos mesmo, também o façam. Uma boa noite e um bom retorno ao nosso Brasil.

  2. Paciência mestre, como no poker a política também so dá resultados no longo prazo. Essa tempestade vai passar. Mas não se esqueça de uma coisa vital. Sua obrigação, dedicação e lealdade é em primeiro lugar com a sua família e se for a melhor opção pra sua família que vc passe uma temporada fora, vai, e fique tranquilo pq o simples fato de vc ser uma pessoa pública que é honesta e influência pro bem toda uma geração de jogsdores do esporte que mais cresce no país, vc está fazendo mto e está lutando pelo pais toda vez que manda uma mensagem dessas aqui ou nas redes sociais… sempre que crava um e sempre que fica maior profissionalmente atrai muita atenção e essa atenção pode e é usada pra ajudar a mudar a cabeça de alguns. Seja onde vc estiver residindo. Abraços na familia e GL.

  3. na vdd o nosso pais passa por uma grave crise de Moralidade quando a gente ve um Juiz usando algo que faz parte de um processo de investigação ai percebemos que chegamos no fundo do poço.

  4. Grande Akkari. Sou teu fã pelo esporte, pelas suas opinioes e analises, e como pessoa tambe, ganha sua grana com os coach’s de forma mais justa e honesta q muito falastrão do mundo poker la em cima. Mas vou te passar algumas das coisas q eu sei hoje:
    *
    – Da maneira que nosso sistema eleitoral funciona, um novo partido seria só chover no molhado a principio, pois pra ele ter grande força somente por ele proprio, levaria muito tempo. Acabaria q para ele ter notoriedade seria necessario que algum “grandão” viesse dar seu apoio, mas e aí? confiar em mais um grandão desses?
    *
    – Do ponto de vista economico, esta uma bagunça tao grande, que de certa forma é ate bom q essa zona tenha caido no colo do PT. Imagina se um novo partido MUITO BOM tivesse sido criado e assumido o governo? essa bomba teria caído no colo deste partido. Infelizmente, a nova galera da economia ta fazendo um trabalho serio. Digo infelizmente pq as brincadeirinhas economicas q o governo fez nesses 13 anos de PT uma hora iria cobrar o seu preço, e a unica forma do governo pagar parte das contas é o q essa equipe ta fazendo. O Novo ministro da fazenda chegou a pedir demissao do cargo pq uma das medidas foi VETADA pela presidente pq iria prejudicar ainda mais a imagem do governo q ja ta uma bosta.
    *
    – Esses arrochos sao necessarios, e daí la se vao os creditos estudantis q poderiam garantir uma formação adequada um pouco maior. Fico pensando em quem fez Fies ano passado e agora pode nao conseguir refaze-lo (tenho 2 amigas nessa situação). Trancar / largar a faculdade, ficar com uma bomba na mao de financiamento pra pagar, dividas, e SEM ESTUDAR. Vai gerar mais inadimplencia.
    *
    – O Problema de um governo se entitular de esquerda, esta exatamente nessas super taxações para empresas. E de voce que estao tirando para pagar bolsas familias… e nao das milhonarias e bilhonarias verbas q eles desviam. Por matematica de padeiro da pra saber que nao precisaria um arroxo tao grande.
    *
    – Sem empresarios, como voce, nao há emprego, e o que um governo como os de esquerda da vida querem, e uma população dependente do proprio governo, e quanto menos emprego para eles melhor.
    *
    – Agora para vc sair do tilt duas informações: A Primeira e que a economia é ciclica, entao sabemos q vai melhorar como FATO, e so torcer e fazer o certo para que o ciclo seja o menor possivel. E A Segunda, é que do ponto de vista eleitoral….ta sendo um remedio amargo. Quem sabe agora o povo comece a procurar entender mais sobre politica. Temos exemplos como romario, tiririca, bolsonaro (apesar dos q nao gostam de sua opiniao) e etc, q sao bons exemplos de pessoas q se destacam no ramo eleitoreiro, fazem um bom trabalho como representantes e graças a Deus nao estao nas maracutaias ( ao menos nao nessas, ate q se prove o contrario).

    Em resumo: O Brasileiro agora precisa acreditar na carreira cash a longo prazo, com pequenos ganhos solidos e evitando arriscar mais do q pode abraçar. Esta sendo um duro golpe na bankrol da galera, mas isso , como vc sabe, ensina a administrar a propria carreira.

    Grande Abraço.

  5. Parabens Akkari, o que mais me admira em você é seu patriotismo !!! Mas logo logo, pelo andar da carruagem e pelo marxismo cultural que está inserido tão profundamente em nosso país, não me admira este se tornar uma Venezuela, ou pior, como 80% dos universitários brasileiros gostariam … uma Cuba.
    Porem tem alguns partidos de Direita (realmente, não estes centro-esquerdas atuais), tentando ganhar força. E se Deus quiser teremos o atual deputado federal pelo Rio de Janeiro – Jair Messias Bolsonaro como candidato a presidência em 2018.
    E como dizem, a historia não muda, se repete.
    Ou nos tornamos socialistas/comunistas (ai sim você deveria correr do país), ou o povo precisaria de outro regime militar (afinal nunca houve ditadura).
    Se puder leia o Decálogo de Lenin. (Creio que o Brasil se encaixa perfeitamente).
    Mas não é só no Brasil, o gigante democrata EUA está ruindo lentamente com Obama e seus programas assistencialistas, parece que o mundo inteiro está ruindo os 3 principais pilares (Deus, Pátria e Família )

    Sou Brasileiro, sou patriota, sou seu fã.
    Mas recomendo, saia do sim do país.(sei que não queria essa opinião rs)

    E aos que ficam, como eu se nada mudar, será sim necessário lutar pela liberdade !
    Nossa bandeira é Verde e Amarela, e não vermelha com uma foice e martelo.
    Brasil !
    “Verás que um filho teu não foge à luta”

  6. akkari, as coisas estão dificeis vc que um cara do bem nao merece essa merda de pais como eu e varios outros nao merecemos,mais vc akkari tem dinheiro para morar em qualquer lugar do mundo minha dica e sai desta merda de pais e melhor para vc e sua familia abraço

  7. Fala Mestre, tudo certo?
    Voce deveria conhecer o Partido Novo! Parecer ser uma luz no fim do tunel. Eh um partido que defende ideias liberais (e nao conservadoras)
    Alem do partido, o movimento liberal esta crescendo muito, varios centros pelo brasil. liberzone, instituto mises brasil sao duas boas fontes de material. Quando puder de uma olhada. Sao ideias que eram muito pouco defendidas no brasil, omitidas na academia, e sao baseadas na liberdade, cooperacao voluntaria, empreendedorismo, competicao no mercado (fim dos monopolios do estado)…
    caso se interesse pelo tema depois falamos mais… abs!
    Claudio Berbel

  8. Professor, reveja seus conceitos de esquerda/direita e de conservadorismo.
    Não a suposta “direita” que alguns acham que existe no Brasil, não se engane, no Brasil existe esquerda e centro esquerda (PSDB por exemplo.), ponto.
    Verás que sua afinidade com a esquerda não passa de uma ilusão.
    A única pessoa política que foi de direita de verdade foi o Carlos Lacerda, governador da antiga Guanabara, atual Rio de Janeiro, mas infelizmente o Regime Militar fez questão de acabar com qualquer resquício conservador/reacionário/direita partidário no Brasil.
    E não desanima, que quanto mais o povo percebe que o problema é a esquerda, Foro de São Paulo, que governa o país por meio do Lula e do PT que tem o projeto de poder visando o socialismo/comunismo na américa latina, ficamos cada dia mais próximos de nos libertar! Abraço!

  9. Bom post Akkari, e parabéns pelos ótimos resultados nos diferentes ramos da sua vida. Mas venho aqui pra te falar que existe um partido novo se formando que pretende acabar com essa palhaçada de hoje em dia. Por acaso o nome do partido é NOVO, e vem aí levantando a bandeira liberal, que tem como base a defesa do livre comércio e das liberdades individuais. Tenho certeza que eles adorariam ter um representante de tanta influência como o senhor. Não sou afiliado ao partido mas acho que seria legal se você procurar saber mais sobre eles. http://www.novo.org.br

  10. O país está sofrendo com a “ressaca pós boom econômico”. A última década de crescimento econômico, mal gerenciado pelos governantes, e também pelo povo, agora cria o retrato perfeito do que conquistamos com nossos anseios sociais e humanos, que nunca conseguiram criar de forma latente e clara o que se pode chamar de uma sociedade justa e desenvolvida. Se um boom econômico servir somente para que o povo tenha condições de consumir, e não de se desenvolver culturalmente, política interna alguma irá salvar o Brasil da realidade atual, que tende a piorar nos próximos anos. Precisamos urgentemente de pensadores e políticos capazes de fazer nosso povo entender que é preciso mais investimento em cultura do que em mercado de consumo para salvar nosso país do buraco moral em que se encontra; e vamos curar este tilt aí mestre, porque sem caras como você o país da gg irmão. Abraço!

  11. Poxa Akkari, realmente as coisas por aqui andam um tanto quanto complicadas. Mas como mudar? Eu penso as vezes (pq pensar toda hora deixa a gente maluco), que poderíamos buscar exemplos continente afora, e esse dias eu me peguei pensando na Austrália, pois estava em um chat bacana num site, e dentre discussões politicas e afins, surgiu esse assunto, ”mas porra, a Austrália nao eh um País de refugiados, e era pra ser uma merda? Mas não, eh um País que não se vê tantas pessoas revoltadas com o governo, e bla bla bla…”. Resolvi dar uma ”Wikipediada” na Austrália, e ver qual o sistema de Governo deles, pois bem, ”voila”: Monarquia constitucional e democracia federal parlamentar. ”Mas porra Daniel, que loucura… vamos entregar assim um País como o nosso, de mão beijada… e a nossa cultura? e os nossos costumes? E a nossa riqueza natural?”. Eu eh que pergunto essas coisas… e possivelmente a resposta seria: esta indo pro ralo!. Agora eu te pergunto, se a Politica mudar, vc acha que as Baianas vão parar de fazer o Acarajé, ou os Cariocas vão parar de ir as praias, os Sulistas vão parar de fazer churrasco, os Paulistas vão parar de … bom, não sei o q Paulista faz, eu sou um deles, mas… deixa pra la… Ah, consumir , e assim por diante com as Culturas de todo o País… não vão parar, vai continuar a mesma coisa, essa Cultura linda de se ver… a diferença eh que expulsaríamos a escória desse Sistema de Governo Republicano Presidencialista.
    Eu daria sem medo de ser feliz, nosso País, a Rainha da Inglaterra, uma Monarca respeitada. E aqui dentro, teríamos nosso Governador Geral, nosso Primeiro Ministro e nosso Presidente do Supremo Tribunal. E passaríamos assim, não do dia pra noite, mas com o passar do tempo, a acostumar e quem sabe um dia ter orgulho de dizer ”eu nasci nessa terra”.
    A gente deixa de se preocupar com coisas vitais ao bem estar humano, para se preocupar com Política, e nao eh no bom sentido, com discussoes bacanas, e sim em como fazer pra arrumar as cagadas dos nosso politicos… trabalhamos pra eles, e pagamos por isso, nem pra ganhar um salariozinho minimo a gente nao ganha por tentar achar uma solução pra consertar o Brasil. Eu sou a favor de um Plebiscito, e como em 1993, colocar o País para votar a mudança do Sistema Político.
    Aí eu fico imaginando com a minha cachola… imagina a cena, um País inteiro clamando a Rainha II da Inglaterra, ”Isabel II, aceitaria ser a Rainha do nosso País?” caso positivo, nos juntariamos com outros sete Países independentes que ela Governa. Seria um sonho? Acho que nao. Seria o Gigante acordando.

  12. Boas Akka.

    Deixa-me dizer-te que acompanho o teu blog e a tua carreira em geral porque além de poker player também sou politico. Gosto do teu “mind way” . Dizes o que pensas, és frontal e a tua narrativa é sempre para o bem estar comunitário, óbvio que só poderias ser um excelente jogador de poker.

    Vou partilhar contigo algumas ideias de forma breve;

    O racionalidade do ser humano torna-o infinitamente ambicioso, em todas as direcções, não apenas na económica. Esta naturalidade proporcionada apenas pela inteligência tem consequentemente episódios negativos como positivos. O individuo é único e como tal cada um pode tomar o movimento que entender.
    Costumo dizer que nós enquanto individuo somos Deus com capacidade de criar, mas também somos o Diabo com a capacidade de destruir. Nesta relação bipolar encontra-se o segredo que tem por nome “politica”.

    A corrupção é um problema em todo o mundo e no Brasil parece uma modalidade desportiva mas a verdadeira génese está no valor do dinheiro e aquilo que pode proporcionar. A solução para este fenómeno só pode estar na politica.

    No poker é verdade nós somos o nosso principal adversário, na politica é igual. Na vida iniciamos cada dia sempre em HU entre Deus e o Diabo. Acredita que não sou seguidor de qualquer religião. Sou agnóstico, hetero e republicano.

    Is never easy!

    Abraço
    Paulo Leones

  13. Caro Akkari. Ainda não te conheço pessoalmente, mas espero que aconteça futuramente quando conseguir fazer o seu curso. Mesmo não o conhecendo, percebo que tem esperança que os problemas se resolvam aqui no Brasil. Essa esperança eu não tenho mais (ja tive) porque entendo que não depende de um partido ou de alguns políticos honestos para consertar o que tem de errado neste país. Digo isso porque não adianta os políticos/partidos quererem fazer mudanças neste país sem dar a moeda de troca. Nada é aprovado aqui sem a contrapartida. Basta ver que projetos (mesmo todos sabendo que são prejudiciais ao país) são aprovados pela maioria nas votações e a minoria tem que se calar. Um partido novo, mesmo com boas intenções e políticos honestos, não conseguiria aprovar medidas e leis que beneficiassem o país sem dar nada em troca. A desonestidade e corrupção é maioria no governo, congresso, câmara e acredito que até na população. Basta ver a votação absurda que este governo conseguiu em troca de migalhas.
    Sou casado, tenho 3 filhos e não tenho mais esperança de melhora deste PAÍS.
    Resumindo: Sou mais um brasileiro (com cidadania espanhola) que pretende se mudar deste país!

  14. Muto bom texto Akari, traduziu praticamente o que eu penso também, concordo que boa parte da culpa é da população por sua apatia política, também não concordo com impeachment, e também me sinto perdido sem saber o que fazer para ajudar, principalmente quando vejo tantas pessoas brigando por partido A ou B e se esquecendo de que o que está errado é o sistema como um todo, tirar um bandido pra colocar outro no lugar não é solução para nada.

  15. Olá akkari, vou fazer algumas observações pontuais sobre pontos do texto que me chamara atenção, espero que leia!

    Em dado momento você questiona se estamos de fato lutando pra trazer um pouco de esperança e dignidade para o país, ou se estamos de fato tentando fazer algo para mudá-lo:

    “Muitos amigos estão mudando de país, será? É esta a solução? Ou é ficar e lutar? Mas de fato nós lutamos? Na minha opinião nós não fazemos é porra nenhuma.”

    E em outro trecho indica a única luta atualmente verdadeira e expressiva do sentimento de milhões de brasileiros atualmente (inclusive os que votaram no PT e não são alienados) como inválida – ou inefetiva.

    “Qual o remédio? Tirar a Dilma do poder? Acredito que não, juro que acredito que não, isto só afundaria mais o nosso país.”

    A verdade é que estamos sim, Akkari, fazendo o possível para mudar o país. É claro que o impeachment não vai resolver todos os problemas, mas já é um passo para estes safados perceberem que não somos palhaços, e que decidimos agir contra toda essa roubalheira. É um passo para a mudança, e se precisar iremos tentar derrubar Michel Temer e quem quer que seja que esteja no poder.

    “Como estes caras que estão no olho deste furacão de corrupção e escândalos conseguem dormir? Imagina a vida destes caras galera?”

    Sobre o trecho acima é fácil responder. São ladrões. Safados. Pra pessoas como Dilma que participou de grupos de guerrilha que lutavam pela implantação de um comunismo no país, que assassinava pessoas em nome desse ideal, como o soldado Mario Kozel Filho, participar ou estar à parte de processos de corrupção não é nada. É bom lembrar que todo o dinheiro desviado pelo PT foi em nome de um projeto de poder do partido (Na Petrobras para financiar a campanha, por exemplo). Eles acreditam que matar, desviar dinheiro ou fazer qualquer outra coisa não tem problema algum, se for em nome de seus “ideais”. (É sério eles realmente pensam assim).

    “Sabe o que me traria de novo esperança, um novo partido! Um partido que tivessem pessoas que eu realmente enxergasse que nós temos saída de longo prazo.”

    Por fim, recomendo que procure a respeito do “Partido Novo” no facebook, está fazendo o máximo pra conseguir disputar já nas próximas eleições, e é uma esperança pra mim. Você falou dos estudantes, mas como estudante posso te afirmar que você não pode esperar praticamente quase nada de bom vindo dos estudantes, 90% dos engajados politicamente defendem – ou já fazem parte – de partidos como PSTU, PSOL e PT.

    Abraços e espero que leia!

  16. Akkari

    Estamos em um processo de evolução e precisamos passar por isso. A culpa é nossa, dos brasileiros, da humanidade, mas estamos evoluindo…

    Caso tenha um tempo assista ao documentário abaixo, chama-se Kymatica, trouxe-me um pouco de paz e um pouco menos de desespero em relação a tudo que estamos vivendo, não só no Brasil, mas no mundo como um todo.

    Fica em paz! Um abraço,

  17. Também não tenho respostas aos seus questionamentos, bem próximos dos meus. O problema não é a falta de capcidade dos políticos, é a falta de ética e moralidade deles. Não percebem ou não se importam em MATAR milhares de crianças inocentes ao desviar dinheiro destinado à saúde; Ou de causar perdas materiais e de vidas ao desviar verbas do metrô.
    Eu não me sinto culpado por ter votado no Lula a primeira vez e depois no Aécio quando a situação ficou terrível. A Democracia é um “jogo” de informações incompletas. Só temos acesso àquilo que a mídia “comprada” nos fornece. Aí, chegamos nessa situação de “push or fold”!
    Enfim, também estou perdido. Se você se candidatar a alguma coisa na política, eu te sigo. #meuvotoehseu

  18. Com todo o respeito.. Este Pais é uma merda!

    Nutria, há muito tempo atrás, este mesmo sentimento que vc possui. Atualmente, me desculpem, o amor acabou.

    O último que sair apague a luz.

  19. Akkari, o Eduardo Jorge que tens visto falar merda no Twitter é um babaca de um fake que se faz passar por ele.
    Tem mais de um. Troca o “o” pelo “0” ou come uma letra do @ e todos acham que é o cara.
    Também me decepcionei com umas merdas que tinha falado e, por saber da inteligência e da ideologia do cara, fui atrás pois tinha certeza que não podia ser o cara. Fica ligado!

    • Também suspeitei que fosse isso, por isso perguntei quais são as besteiras que ele falou. O perfil oficial do Eduardo Jorge é o @eduardojorge43 e, até onde me consta, não falou nenhuma besteira. Posso estar enganado e, se for o caso, gostaria de ver qual besteira foi. Tem um monte de fakes dele por aí, tem que ficar ligado.

  20. Akkari, sigo seu blog e leio todas as suas postagens. E na boa, tirando os assuntos específicos de Poker, foi o melhor post que ja li. Merecia ser publicado nessas revistas de grande circulação.

  21. Então Akari, não acredito que vc , uma pessoa inteligente , empresário e jogador de poker venha com esta ladainha que seria melhor manter o que temos. Isto sim seria uma falta de respeito com nosso País. Tenho ouvido muito este tipo de opinião e fico imaginando quando seria o momento de tomar uma atitude .Infelizmente este governo tomou caminhos sem voltas, com movimento separatista e agora vem pregar união.Cara so não vou embora do País porque não tenho dinheiro , este País será o pior lugar do mundo para pessoas do bem morar.
    O processo tem que ser sempre evolutivo , não podemos aceitar mais do que fazemos , pagando quase 80% de impostos sem nenhum retorno, não vejo no mundo povo que colabore mais com seu País que o Brasileiro.

  22. Akkari, primeiramente parabéns pelo texto que está muito bem escrito e define muito bem o cenário atual do país. Concordo com tudo que você disse e vejo o seguinte problema que gera todos os outros: A corrupção está na cultura do brasileiro. Vou tentar explicar de forma bem simples.Talvez corrupção não seja a palavra certa mas sim o oportunismo.
    Segue um trecho de um relato de um americano que morou no brasil e criou uma lista com o que ele odiou do brasil (http://tudoparahomens.com.br/americano-cria-lista-de-motivos-pelos-quais-odiou-ter-morado-no-brasil/) “Os brasileiros são agressivos e oportunistas, e, geralmente, à custa de outras pessoas. É como um “instinto de sobrevivência” em alta velocidade, o tempo todo. O melhor exemplo é o transporte público. Se eles vêem uma maneira de passar por você e furar a fila, eles o farão, mesmo que isso signifique quase matá-lo, e mesmo se eles não estiverem com pressa. Então, por que eles fazem isso? É só porque eles podem, porque eles vêem a oportunidade, por que eles querem ganhar vantagem em tudo. Eles sentem que precisam sempre de tomar tudo o que podem, sempre que possível, independentemente de quem é prejudicado como resultado.”
    Esse é apenas um dos problemas que atinge a sociedade em geral, sem falar de subornos, aparelhos que “roubam” sinal de tv a cabo, gatos em energia, bater ponto pelo colega de trabalho, atestado médico falso, não o devolver o troco a mais que recebeu por engano e até colar em prova. Agora você imagina as pessoas que possuem as “grandes oportunidades” de gerenciar o dinheiro público. Imaginou a dimensão ? Quando você fura fila “passa por cima” de 2 ou x pessoas que ainda sim podem te abordar e reclamar. No caso do dinheiro público, você estará fazendo a mesma coisa porém passando por cima de muito mais gente sem que essas os mesmos “te vejam”. Se você faz um porque não faria o outro ? se for ver bem, é apenas uma questão de dimensão.
    Concorda ?
    Mais uma vez, parabéns pelo texto !
    E manda um abraço pro Ronaldo! kkkk

  23. Mestre, sei q vc queria ler comentários q te fizessem destiltar c o Brasil e voltar a reacender o espírito patriota q aos poucos está perdendo, mas infelizmente o tilt eh geral e c certeza aparecerá mais posts q corroboram c seu sentimento.
    O meu n eh diferente, como vc frisou tem mta gente boa nesse Brasil, além de ser um país abençoado por Deus em suas belezas naturais, mas n sei oq aconteceu cmg, pois há tempos perdi as esperanças no nosso país, n há solução, a tendência eh piorar, a corrupção eh um problema crônico, n eh um problema exclusivo da classe política, está engendrada em todas as camadas sociais, tanto no setor público qnto privado, eh o famoso jeitinho brasileiro.
    Refletindo sobre esse escândalo da Petrobras, cheguei a conclusão de q no Brasil nada eh por acaso, o governo reduziu o IPI dos carros, facilitou o crédito, deu o “direito” de todo trabalhador ter um bem q antes era de exclusividade dos mais abastados, em contrapartida n investiu nada em transporte público, afinal quase todos tem carro, e agora divide o “rombo” c todos os brasileiros subindo absurdamente o preço dos combustíveis, ou seja, foi tudo premeditado. Já estou esperando a pancada q vai vir desse programa “minha casa minha vida”. Pra vc ver o grau de desesperança em q me encontro.
    Meu maior sonho hj eh ir morar fora do Brasil, e toh me dedicando e ralando mto pra conseguir isso através desse nosso esporte tão fantástico. A meta eh conseguir construir um bankroll suficientemente confortável p ir embora. Ainda n sou pai, mas a minha maior vontade de ir embora eh justamente p n ver minhas futuras crias crescerem nesse ambiente nada saudável em q vivemos e n ter a preocupação q vc está tendo de receber uma má notícia, que enquanto está só na preocupação está bom, ruim msm, e que Deus o livre desse pesadelo, eh passar pelo q o nosso companheiro de esporte Emerson Baroni passou. E sinceramente, se eu passasse por uma situação como essa, tendo tido a oportunidade de ir morar fora e reduzir esse risco em quase 100%, eu iria ficar mto mal. Então mestre, eu no seu lugar já estaria num país melhor, com as coisas funcionando como se deve, com segurança p sua família q eh o bem mais precioso q temos. Gl!!!

  24. Akkari, nem sei se você vai ler isso mas segue aqui um pouco do que eu tenho vivido.

    Mudei-me para o Canadá a quase dois anos e sinto o mesmo conflito que você sentiu quando ficou nos EUA por um ano. Estou traindo a nação e desistindo do Brasil se eu morar no exterior? No início a raiva com o Brasil era tanta, que era um pouco isso mesmo.

    Mas ao refletir fiquei mais em paz quando tentando listar as minhas prioridades e razão de viver.

    Se colocarmos na balança nossas duas esferas de influência: família e sociedade, qual toma precedência?

    Honestamente, o que mais pesa em meu coração é prover uma vida de qualidade para minhas duas filhas e esposa, sem violência, com melhor educação e estrutura social.

    Em segundo lugar está a esfera social do Brasil e o meu esforço em influenciá-la positivamente. Muitos acreditam que se você sai do Brasil você estará jogando a toalha. Mas não é essa a verdade. Mesmo a distância temos o uso do nosso voto para influenciar. E em muitos casos podemos ser economicamente ativos também mantendo bens e investimentos no Brasil, ajudando a saúde da financeira do país, pagando ainda imposto e sem onerar o estado.

    Somos sim capazes, com o nosso voto e com a nossa atividade financeira, de contribuirmos para o bem do país a distância.

    Vivi em conflito comigo mesmo por algum tempo e até com medo de compartilhar minha opinião sobre o Brasil pois achava que eu havia abandonado minha terra. Mas o tempo e a reflexão me levaram a entender que minha primeira obrigação é com minha família, e que para o bem dela, era preciso sair do Brasil. E que para o bem do Brasil ainda preciso fazer meu voto valer e usar meu dinheiro para contribuir.

    Se essa mensagem chegar até você lhe encorajo a refletir nas prioridades imediatas que Deus colocou a frente da sua vida e no que merece ser sua prioridade inicial. Não digo que vai ser igual a minha jornada ou decisão, mas vale a reflexão.

    Que Deus te abençoe e ilumine nessa jornada.

    Abraço,

    Daniel

  25. Saudações Akkari

    Entendo seu ponto de vista, e apesar de não concordar com alguns pontos, respeito sua opinião.
    Mas há alguns pontos que precisa refletir e ai sim ter base para uma opinião mais sólida. Primeiro ponto que acredito é a frase do saudoso Rui Barbosa que dizia; “A pior das democracias é preferível a melhor das ditaduras”.

    Posto isto, vamos a alguns questionamentos e reflexões.

    Concordo que os resultados das urnas devem ser respeitados sempre. Mas há algo de questionável em nosso sistema eleitoral, no que se refere as urnas eletrônicas. As maiores e mais sólidas democracias do mundo não as usam e não admitem esse tipo de votação. A empresa que fabrica as urnas eletrônicas que são usadas no Brasil, foi multada e processada em vários estados americanos por fraude e tentativa de fraude. Mesmo assim o nosso governo não admite qualquer tipo de questionamento em relação a essas maquininhas, por que será? Você sabia se tiver uma denuncia sobre uma urna eletrônica que é de responsabilidade da Justiça Eleitoral, terá que fazer essa denuncia a própria Justiça Eleitoral. Isso é no minimo pouco democrático, pois voce faz uma denuncia da Justiça Eleitoral, é a própria Justiça Eleitoral quem julga. Há um relatório de um professor da USP que espoe as fragilidades e vulnerabilidades desse sistema de votação, algumas bem graves, mas absolutamente foi feito. Nada é invulnerável. Por que não admitem jogar luz sobre isso? O que escondem? Tudo no Brasil tem corrupção, fraudes, maracutaias, só nas urnas não? Em um país que compra-se deputados, consciências, leis, cargos; quem me garante que não compram eleições também? Por isso que tenho essa duvida; será que o resultado das urnas é a vontade do povo? Só por darem margens a essas questões colocam em cheque a democracia desse país. A forma de nos darem segurança, seria provar que é um sistema inviolável. Mas estamos muito longe disso.

    Me responda uma coisa, caso tivesse duvida sobre os softwares randômicos do PS, continuaria jogando on-line? Ou se o PS dissesse ”nosso sistema é correto, inviolável e sem vícios”, mas não admitimos nenhuma auditoria ou teste externos? Certo que isso seria muito suspeito, não acha? Mas como o PS não tem nada a esconder, permitiu que a Cigital, que uma empresa idônea e respeitável, tivesse amplo acesso ao código fonte, sendo confirmada a aleatoriedade e segurança do sistema do PS.

    As urnas eletrônicas são uma caixa preta. Isso é muito suspeito. Há projeto simples no congresso, que requer a instalação de uma impressora em cada urna. Imprimiria o espelho de seu voto, que seria conferido pelo eleitor e depositado em uma convencional. Assim seria possível uma ”recontagem” de votos. Ainda não foi aprovado, porque o governo faz o diabo para não aprovar. Outra coisa MUITO SUSPEITA.

    Enfim são alguns pontos a se pensar.

  26. Akkari, nem sei se você vai ler isso mas segue aqui um pouco do que eu tenho vivido.

    Mudei-me para o Canadá a quase dois anos e sinto o mesmo conflito que você sentiu quando ficou nos EUA por um ano. Estou traindo a nação e desistindo do Brasil se eu morar no exterior? No início a raiva com o Brasil era tanta, que era um pouco isso mesmo.

    Mas ao refletir fiquei mais em paz quando tentando listar as minhas prioridades e razão de viver.

    Se colocarmos na balança nossas duas esferas de influência: família e sociedade, qual toma precedência?

    Honestamente, o que mais pesa em meu coração é prover uma vida de qualidade para minhas duas filhas e esposa, sem violência, com melhor educação e estrutura social.

    Em segundo lugar está a esfera social do Brasil e o meu esforço em influenciá-la positivamente. Muitos acreditam que se você sai do Brasil você estará jogando a toalha. Mas não é essa a verdade. Mesmo a distância temos o uso do nosso voto para influenciar. E em muitos casos podemos ser economicamente ativos também mantendo bens e investimentos no Brasil, ajudando a saúde da financeira do país, pagando ainda imposto e sem onerar o estado.

    Somos sim capazes, com o nosso voto e com a nossa atividade financeira, de contribuirmos para o bem do país a distância.

    Vivi em conflito comigo mesmo por algum tempo e até com medo de compartilhar minha opinião sobre o Brasil pois achava que eu havia abandonado minha terra. Mas o tempo e a reflexão me levaram a entender que minha primeira obrigação é com minha família, e que para o bem dela, era preciso sair do Brasil. E que para o bem do Brasil ainda preciso fazer meu voto valer e usar meu dinheiro para contribuir.

    Se essa mensagem chegar até você lhe encorajo a refletir nas prioridades imediatas que Deus colocou a frente da sua vida e no que merece ser sua prioridade inicial. Não digo que vai ser igual a minha jornada ou decisão, mas vale a reflexão.

    Que Deus te abençoe e ilumine nessa jornada.

    Abraço,

    Daniel

  27. Akkari, leio sempre seus artigos aqui e gosto muito, mas dessa vez vou ter que discordar de você. Com muita surpresa que leio você escrever: “Eu acredito que o Brasil necessita de um forte pensamento social, tirar mais de quem tem mais e entregar para quem tem menos”. Acho o absurdo dos absurdos este pensamento. Se hoje redistribuíssemos toda a riqueza do mundo em partes iguais, em questão de pouco tempo haveria desigualdade novamente. Sabe por que? Porque o mundo é heterogêneo, tem pessoas que sabem dar valor, que gostam de trabalhar e outras tantas não e por aí vai.
    Que tal você dividir suas conquistas e valores ganhos no poker com jogadores que nunca ganharam nada? Que tal? Você se esforça, estuda, batalha, horas de imersão e desenvolvimento e ao final das contas retiramos uma parte dos seus ganhos, para “quem não tem condições de estudar poker” ou para quem simplesmente não quis estudar e contou com a sorte. Faça esta analogia e reflita sobre este pensamento de Robin Hood (roubar dos ricos para dar aos pobres).

    Um abraço

  28. Curti seu post, politicamente falando…não desanima do Brasil não, sabe porque? Porque Brasileiro não desiste nunca! O Brasil tem jeito sim, dê uma boa criação para suas filhas que isso irá refletir no futuro! Pensamento positivo e fé. Valeu.

  29. Bom dia Akkari,

    A desilusão é mútua e compartilhada por várias pessoas. Sei que você não vai acreditar nisso, mas eles dormem muito bem, obrigado. Aqui no Brasil ninguém está preocupado em como você ganha o seu dinheiro mas, sim, se você tem dinheiro ou não. Por experiência própria, eles partem do princípio de que se eles exploram é porque tem pessoas que se deixam explorar. Eles não estariam fazendo isso se houvesse resistência. Em qualquer outro país civilizado do mundo eles não estariam presos, estariam mortos pela própria população. Mas aqui o povo parece ter um certo prazer em ser explorado e só lamenta não poder usufruir das benesses dos exploradores. Já faz muito tempo que não somos um povo honesto, fazemos as mesmas coisas que eles fazem, só a escala é menor – farol vermelho, “caixinhas”, sonegação de impostos, produtos piratas ou sem nota, caixa dois, furar fila, andar pelo acostamento, prestação de serviços sem emissão de nota fiscal, empregados sem registro e por aí vai. A lista é enorme de pequenos “trambiques” que praticamos todos os dias. Os que estão lá nada mais são do que reflexo dos que estão aqui. Eles vieram daqui. Ninguém chega lá e “vira”. Já se chega lá com essa mentalidade implantada. Só muda o tamanho, mas os princípios são o mesmo.

    O Brasil tem solução? Claro que tem. Estamos engatinhando ainda em termos de democracia, que aliás nem existe ainda nesta terra. Nunca existiu. Pensar que a presidente foi eleita pelo voto é um tanto quanto otimista. Acredito sim que ela tenha sido eleita pelas urnas, mas não pelo voto. Mas, voltando à solução. Ainda temos que passar por vários momentos históricos que vários países passaram para chegarem onde estão. Não temos meio termo, ou chegamos onde os países de primeiro mundo estão, ou viraremos uma republiqueta africana onde impera o terror e a fome. Os governos civis brasileiros levaram o país para a idade das trevas novamente, falindo a saúde, a educação e a segurança no intuito de melhor dominar o povo. E criaram uma grande massa de manobra que vai ao sabor dos ventos, sem vontade própria, só esperando que “Deus os ajude e que o governo não os desampare”. E vai levar pelo menos 100 a 200 anos para corrigir tudo isso. Portanto, não será nem na nossa, nem na dos nossos filhos, nem na dos nossos netos, talvez bisnetos ou mais.

    Se Deus me ajudar e o governo não atrapalhar mais do que está atrapalhando, eu não estarei aqui para ver. Ainda prefiro viver bem durante a minha estadia nesta vida…

  30. belo pst…na moral esse pais ta uma merda….eu morei fora do brasil, durante 10 anos morei no japao e digo o brasil esta no minimo uns 500 anos atrasado no qe se diz a respeito, honestidade ,cultura, patriotismo e outra infinidade de coisas qe eu nem consigo citar aqi…..o japao sobreviveu a 2 bonbas nuclear e inumeros desastres naturais…tudo isso com a ajuda unica do povo japones…ja nessa merda ninguem qe saber de ajudar ninguem, e um qerendo foder o outro.
    outra coisa a maioria qe fala mal dessa merda de pt e um bando de mulekada de 17 a 20 anos qe nao conhece outro brasil qe nao seja sobre o dominio do pt….e ficao levantando bandeira para o psdb qe e outra bosta…agora mulekadinha de 20 aninhos o pt esta no poder ja faz 12 anos, ou seja na epoca vcs tinhao 8 aninhos qando o psdb deixou o poder, com qe autoridade vcs vem levantar bandeira para o psdb….acorda mulekada sai do face e vai para as ruas…parem de fazer correntes inuteis pelo face e va para a rua mostrar o verdadeiro poder de um povo.

  31. Imagina se o Renato Russo, o Cazuza, algum desses caras estivessem vivo, eles estariam muito irritados com a gente que deixou acontecer tudo isso. A culpa não é só da Dilma, é de todos, é da globo que aliena as pessoas com futebol, novela, jornal nacional.

  32. Se eu fosse você iria moraria fora mesmo, se a vida te deu oportunidade de uma vida longe da violência, e das outras inseguranças deste país, aproveita, Deus te privilegiou como poucos, pega essa chance e vai ser feliz

  33. Pingback: A causa do “tilt” com o Brasil | beforespeak

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s