Momento histórico na minha carreira e o High Roller

E aí galera, como estão as coisas no Brasil?

Aqui em Bahamas hoje e ontem passei por momentos completamente polarizados, sentimento opostos em tão pouco tempo que parece até estranho.

Por um lado uma tristeza acumulada por ter caído do Main Event perto da bolha e depois por ter sido eliminado hoje do High Roller, vamos falar destas notícias ruins primeiro.

No High Roller comecei com uma mesa muito tranquila. De profissional conhecido somente o Justin Young, um outro regular do online que eu não sabia o nome mas já havia jogado contra e os outros amadores, inclusive o número de jogadores desconhecidos que estavam jogando um evento de 25 mil dólares era inacreditável. Poucas vezes me senti tão bem em uma mesa.

Fui na mesma política do “controlar a ansiedade” e tudo foi fluindo muito bem. Foi uma mistura muita rápida de valor e blefe, algumas mãos seguidas de valor que fizeram com que a mesa se assustasse com a minha confiança e de repente eu estava navegando sozinho, quando isto acontece os blefes fluem com naturalidade e assim foi. Começamos com 50 mil fichas, blinds de 1 hora e no segundo blind eu já acumulava 110.000 fichas jogando o meu melhor poker.

No final do segundo level, fui para uma outra mesa, foi aí que a catástrofe começou. A mesa em termos de nível de jogadores estava ainda melhor que a anterior. Nesta eu não conhecia absolutamente ninguém, mais tarde veio a sentar o ShaunDeeb e o Angel Giulien mas em um primeiro momento parecia que eu estava em um torneio de mil dólares do PCA. Um nível assustadoramente fraco mas uma atividade insana na mesa.

No seat 3 um garoto completamente maluco, jogando todas as mãos, mas jogando mal, fraco, cheio de tell, e no seat 5 um tio que provavelmente era o pior jogador da história dos fields de High Roller. Nos blinds 150/300 ele abria toda mão de 1600 no mínimo e ficava check check, check check e check check. Era cômico. A mesa inteira querendo pegar as fichas dele e o tio aos poucos sangrando. O menino do seat 3 completamente pra jogo cansou de 4 betar e 5 betar e todas as vezes mostrava blefe, era um tal de apresentar sem ninguem pedir um 2 paus no board AKT78, mostrou um 5 de ouros no board AAJ TK, e foi pega em diversos blefes também onde vomitou muita ficha.

Nesta hora minha única solução nos blinds 150/300 era puxar o freio. Eu com 110.000 adotei a estratégia de “subir no coqueiro”e ficar assistindo a negada se quebrar até eu achar valor de verdade e tomar potes grandes deles. Não deu outra! Não precisou de muito tempo para minha estratégia render o cenário perfeito.

UTG abre 800, eu estou no BB, quando chega neste menino do seat 3 ele faz 2600, como fazia em todas as mãos, eu olho no BB e vejo um formoso KK. Penso, penso e faço tudo 6100, o UTG folda e a ação volta nele que manda 11700, depois de pensar por 40 segundos eu faço 17.700 louco para explodir tudo. Muitos podem pensar que talvez não vale a pena o “abraçar” de KK mas podem confiar em mim, contra um jogador deste sempre vale a pena, em qualquer nível de blind, independente de quantidade de blinds que você tem.  O range dele é tao amplo para dar mais uma que tem muita chance até de você pegar ele de KT, KJ, KQ, pois o torneio tem rebuy, e o que mais tem por aqui é nego milionário querendo fazer graça em torneio de 25k. Ele nem penso muito e anunciou All In de mais ou menos 80k. Eu snapei ele e já via na sua cara a face da tristeza de estar dominado mesmo antes de ele abrir as cartas e mostrar um QQ. Flp 239 turn T river Q! Sick!

Voltei para 30.000 e fui trabalhando tudo de novo, até chegar a 60.000. Tá certo que um AA me ajudou a levantar 13.000 em uma tacada só em um board 399 A J onde fui pago nas três streets. O resto foi no braço mesmo. Até eu enfiar um mega blefe no board QJ3 duas espada 65 e o parceiro dar check call nas três de AA e eu devolver meu stack para os 35.000. Logo em seguida encontro um 99 no flop 558 com ação entre três jogadores, turn 9, ação pesada de novo e river T e o mesmo menino do QQ do river, tem TT nesta e me toma mais 17.000 fichas, isso pq no river ainda dei bet call e não shovei o full. Em seguida recebemos o Angel do Team PokerStars Pro na mesa, e me envolvi em um pote com 75 espada no flop T52 duas espadas, fomos all in e ele abre A6 espada, e acerta o A no turn e me elimina do torneio.

Chega de notícias ruim, amanhã tem o 6 max com rebuys e o pau vai quebrar!

Agora ontem tive um fato que vou me lembrar para o resto da minha carreira, aqueles momentos em que você ve que tudo o que você fez mais uma vez vale a pena e aponta que esta no caminho certo.
Sem eu saber direito meu nome apareceu na sessão de palestras de duplas de Team Pros aqui no PCA junto com o do maior nome do poker mundial Daniel Negreanu. Ninguém do PS tinha me avisado nada antes e quando passei no corredor principal do PCA e vi que eu daria uma palestra com o Negreanu confesso que dei uma tremida. Porra, fala sério! Primeiro que meu inglês já bem do mais ou menos, segundo que porra, é o Negreanu cacete, como vou dividir o palco com o cara, sei lá! 
Do dia em que eles começaram a anunciar até a data do evento, fui parabenizado por um monte de gente nos corredores do hotel mesmo sem ter ainda acontecido o evento, para vocês terem uma ideia da magnitude do nome deste homem. Negreanu é a verdadeira história do poker, uma história de um esporte ainda novo mas que já tem o seu Pelé!
Quando acordei no dia da palestra confesso que fui para o salão ensaiando na cabeça o que poderiam me perguntar e o que eu deveria responder, a responsa é muito grande! Mesmo assim quando cheguei lá não lembrava de nada do que eu tinha ensaiado.

Negreanu sempre me tratou imensamente bem. Ele é diferente mesmo, diferente da maioria e da minoria, é um cara com um carisma especial e principalmente com uma forma de encarar o poker e tratar os fans que me inspiram demais, talvez por isso eu estava tão nervoso. Já subi em palco para falar para 700 pessoas mas aquele momento ali com 200 era muito mais assustador.

Como se não bastasse, o moderador do evento ainda era o Lee Jones. Muitos de vocês que estão lendo o blog agora são novos demais neste jogo para saber quem é o Lee Jones mas para dar o termometro para vocês, de 2006 a 2009 o sonho de todo jogador de poker online era pegar uma mesa final do Sunday Million e receber a frase em verde do Lee Jones no chat. Ele foi por muito tempo comandante máximo do PokerStars, depois saiu e foi montar um outro projeto monstruoso, a CardRunners e em seguida recebeu novamente uma proposta para voltar para o PokerStars. Fez sucesso em todos os lugares e é a própria história do poker online no mundo.

De repende Lee Jones começa fazer pergunta para André Akkari e Daniel Negreanu sobre o poker e os seus desdobramentos com negócios. O tema girava em torno do futuro do poker como negócio, do futuro do jogadores de poker e quais suas oportunidades fora das mesas, patrocinadores e assuntos que envolvessem esta energia. 

Só sei que quando eu vi, eu mesmo com meu inglês Joel Santaniense, estava a vontade para expor todas as minhas ideias e trazer para aquele público exatamente tudo o que eu pensava sobre o tema. Da forma que eu faço no Brasil, claro que não com a mesma clareza pois a lingua é um obstáculo mas com a mesma vontade. 

Passei uma hora discutindo o futuro do poker e mostrando como eu trabalho a minha carreira para todos que lá estavam. Dei dicas, falei o que acontece no Brasil, concordei com o Negreanu em vários pontos, discordei dele em diversos outros, diversos mesmo, e assim o papo rolou completamente sadio.

Quando acabou a sessão eu estava com a sensação de dever cumprido, pesquisei com os brasileiros que assistiram, que não foram poucos por sinal e quero agradecer aqui a presença deles, e todos falaram que mandei bem demais, o que me deixou super feliz!

Quando amanhece o dia hoje começo novamente a andar nos corredores do evento e receber parabéns de mais uma pancada de gente. Sem entender nada, depois do primeiro break no High Roller encontro o Lee Jones que fez questão de me parar e me dar um abraço, dizendo que virou meu fã e que nunca esperava algo tão bom quanto tudo que ele ouviu da minha boca naquela palestra! Pqp, fiquei assustado!

No final das contas, o resultado de tudo isto vocês podem ver nos dois links abaixo, um do blog oficial do PokerStars e o outro do blog oficial do Lee Jones.

Blog do PokerStars: http://www.pokerstarsblog.com/pca/2014/pca-2014-daniel-negreanu-and-andre-akkar-145005.html

Blog do Lee Jones: http://www.pokerstarsblog.com/pca/2014/pca-2014-lets-think-big-144997.html

Quando achei que as surpresas acabariam por aí fui informado do outro artigo que o blogger oficial do PokerStars tinha feito também sobre a minha carreira, coisa fina demais, vejam;

Blog oficial do PokerStars: http://www.pokerstarsblog.com/pca/2014/pca-2014-talking-world-cup-soccer-weight-144875.html

É claro que para quem não gosta de mim, os “haters” estão sempre por aí, este tipo de coisa acaba não sendo considerada como conquista, mas para a maioria que vem aqui no blog e que realmente acompanha a minha carreira, que se gosta de mim, eu de fato, quero agradecer. Tenho certeza que isto só esta acontecendo comigo por este carinho que rola das pessoas. Sei que trabalho duro para tudo que me proponho mas sem este apoio do brasileiro eu ficaria drawing dead nesta briga. Fazer o poker ser considerado um esporte mental no Brasil não foi uma briga apenas minha, foi de todos nós, e agora parte deste reflexo eu estou colhendo com estes links apresentados acima. Por isso nunca me canso de dividir coisas com vocês, não canso de falar de vitórias e derrotas todos os dias aqui no blog, todo dia, todo dia, não canso de fazer Boteco quando cravo as paradas, e pelo tempo que minha mente e meu corpo deixarem eu fazer isto com plenitude vocês podem ter certeza que continuarei descendo o cacete por aqui. 

Valeu mesmo galera!

No feltro a briga continua no PCA, ainda temos brasileiro vivo no Main Event, meu amigo Fabio Freitas esta arrebentando por lá, temos mais brasileiros no High Roller e nos eventos paralelos, vamos torcer! E eu amanhã entro em campo novamente no 6max com rebuys. Minha vida é esta, jogar, estudar e trabalhar, tudo isto se divertindo demais! Quer coisa melhor?

Grande abraço a todos e mais uma vez obrigado por todas as mensagens de incentivo e de carinho!

André Akkari

22 comentários sobre “Momento histórico na minha carreira e o High Roller

  1. Parabéns akkari, você é parte da história do poker nacional e internacional muleke, obrigado por me mostrar e tornar esse esporte revolucionário na minha vida e de tantos outros parceiros. Parabéns novamente e hora joga, vamooooooo !!!

  2. André antes de te conhecer já era seu fã, mas depois que fiz o curso eu conheci de verdade a grande pessoa que você é, não só como jogador profissional de poker mas como ser humano.
    Um campeão que trata com respeito e carinho os fãs e colegas de esporte e que se dedica ao máximo a ajudar aqueles que querem crescer e se tornarem grandes jogadores como você.

    Um verdadeiro embaixador. Parabéns mestre por mais uma conquista e reconhecimento, e continue sendo este exemplo de profissional que naturalmente outras conquistas virão.

    Um grande abraço.

    Cassio Curi

  3. Mestre, Você merece o reconhecimento, parabéns pelo trabalho feito, pelas glórias alcançadas, pelas experiências tristes sofridas, pelas voltas por cima, pela dedicação para com o mundo do poker pois todos temos família e sabemos o quanto cada integrante dela é hiperimportante…. Sua atenção e Respeito é muito cativante.

    Obrigado pela sua Humildade e Sucesso, Querido Idolo !!!!!!!!!

  4. Parabéns! E pode ficar certo que atualmente a maioria dos jogadores de poker do Brasil começaram e estão nesse esporte por sua causa. Mais uma vez parabéns!

  5. Pelo que eu vejo, a popularização do poker aumentou o trabalho do Vitão no Piores da Semana kkkk. Mas é assim mesmo, eu jogo micro limit, sofro muito com os sortudos.

  6. Parabéns Akkari !!!! É fruto do seu trabalho … deve ser incrível quando um sonho se torna realidade. Cada conquista e reconhecimento é uma vitória. Desejo muito sucesso e continue assim que com certeza tem mt coisa por vir , abraços.

  7. Vc realmente acredita no que escreve? A entrevista foi um fiasco. Abre o pokerstars tv e assiste de novo se tem coragem. Se vc acha que quem critica eh hater e prefere acreditar no que os puxa saco acreditam, problema teu. Mas tira a prova, ve o video.

  8. bom dia! DEUS não da de graça,recompensa por merecimento,você faz por merecer e esta colhendo todas as bençãos,vamoooooooooo! que o poker espera mais.

  9. Você é um grande exemplo para todos os amadores que tem o sonho!!! Parabéns. Preciso cravar um torneio no ps pra fazer o curso no QG, to estudando mto. abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s