Vambora para o dia 2 do PCA

Primeira missão executada no PCA em Bahamas, passamos para o dia 2 do Main Event!

Como tenho feito nos últimos torneios lives que joguei estou usando estratégias ninja para o controle de ansiedade.

Anos de experiência me ensinaram que o maior inimigo do jogador de poker no dia 1 dos torneios é a ansiedade, esta maldita palavra faz com que você olhe um J9 de espada contra um tiozão e não veja a mínima possibilidade de foldar, pois é, mas hoje eu foldei.

Jogar mãos por valor é uma arte e saber exatamente o valor de cada mão é uma ferramenta que todo profissional de sucesso tem que ter. Casando estes dois princípios, jogar mãos encontrando valor contra jogadores pior que você é uma das boas formas de levantar seu stack mas adicione isto a qual momento do torneio você deve fazer isto para valer a pena o desgaste da sua imagem em relação a quantidade de fichas e você achará uma equação muito difícil de ser resolvida, e o maior inimigo desta solução e tal palavra ANSIEDADE.

Hoje durante os levels 1 e 2 fiquei com meu phone de ouvido ligado no meu ipad assistindo documentários e filmes, um olho no peixe e outro no gato, consegui não perder atenção na mesa o suficiente para entender o cenário e também o suficientemente fora da mesa para não querer enfrentar jogadores mais fracos em spots desnecessários. Mais uma vez como aconteceu no LAPT Perú e no EPT Londres a tática deu certo e ensacamos 78.500 fichas.

Na minha mesa tinham dois jogadores bem complicados, o primeiro o uruguaio “tomatee”, regular do online, jogador bom, inteligente sentado na minha esquerda e na minha direita um dos grandes do online, Athanasios. Ambos deram trabalho mas procuramos nos evitar durante o dia 1. O resto da mesa sim eram as oportunidades.

Mesmo controlando a ansiedade no level 3 cheguei a ter 14.000 das 30.000 iniciais depois de perder dois KK seguidos, um para o tomatee e outro para um jogador mais fraco na esquerda. Mesmo assim depois joguei boas mãos que me trouxeram de volta para perto do stack inicial.

O destaque do level 3 foi uma mão contra um senhor que ficou ultra tiltado depois de tomar uma bad beat para mim e outro para o Athanasios. Pós bad beat ele começou a jogar todas as mão feito maluco, com vários overbets, eis que eu subo do CO de T8 espada, isso já no level 5 em hehehehe, ele da call do botão, flop 289 rainbow, eu check ele 1100 eu call, turn 7, eu check ele 4500 eu call, ele fica com 10 pra trás, river 5, ficando o board 98275, eu check e ele vem all in instântaneo. Depois de pensar muito cheguei a conclusão que ou ele teria um 67 betando duas pontas no flop, ou ele não teria nada, já que achei que o TJ duas pontas também no flop o bet dele turn de tiltado não seria 4500, seria menos. Dei call e ele abriu TQ e dobramos desta forma sofrida.

Já no level 7, ao lado do Athanasios tinha um regular bom, solto pra caramba, que havia soltado um 4bet em mim e no tomatee e mostrado um 3 de ouros. Duas órbitas depois eu abro de MP no big dele de AK espada, ele defende o flop vem TJ3 sendo TJ paus, ele check eu 1500 ele 4200 eu call. Vejo ele tendo de valor somente TJ e 33, portanto os bets sizes nas próximas streets serão decisivos para encaixa-los nestas mãos de valor ou draws e air. Turn 2 ouros, e ele beta 6500, eu dou call para pegar blefe mas sabendo que tem muita carta que pode me ajudar no river, ele fica com 14900 para trás, river vem um 5 de ouros. Ao invés de ele ir all in ele beta 11100, deixando um pouquinho pra trás e foi aí que ele errou. Quem tem TJ e trinca nesta mão sempre vem all in, é o natural. Quem beta 11100 e deixa esta quirela pra trás que demonstrar desesperadamente um valor que não tem, é blefe!
Dei call e ele já empurrou as fichas para mim puto da vida, ele abriu A9 ouros e eu AK high, o bicho ficou putasso! Tomei cumprimentos da mesa toda e parei de suar uns 2 minutos depois ehehehe.

Amanhã é dia de mais jogo, o objetivo final ainda esta muito longe mas estou bem focado para consegui-lo! Torce ai!!!

Grande abraço galera,

André Akkari

30 comentários sobre “Vambora para o dia 2 do PCA

  1. André, nossa grande dificuldade para subirmos para degraus maiores no jogo, são jogar as mãos complicadas exemplo, quando vira um par na mesa e não temos a trinca, ou como identificar quem tem a trinca na aposta, calcular a equidade corretamente, blefar nestas situações e em outras situações, quando fazer o continuation bet. André estes temas deveriam serem alvo de suas aulas na internet par que a gente pegue uma informações de pessoas de alto nível. Veja que engraçado, vi uma mão do Padilha no BSOP onde ele tinha 4 milhões de fichas e deu um blef de aproximadamente 2 milhões, e o cara pagou o blef … o Padilha e todos jogadores com seus conceitos já acompanhei todas as mãos na internet, blefam pra caramba, sempre quando estão de mano, nas dobras no flop, no continuation bet são várias situações. Seria errado eu concluir que você monta a estrutura de jogo no pós-flop em cima da estatística que diz que em mais de 70% das vezes não bate a carta que o adversário tem na mão ??

  2. Belas mãos, a coisa ai está ultra agressive, estamos na torcida pra que esse ME venha pro Brasil!!! GL pra você e todos os brazucas que estão no pano.

  3. Que sangue frio heim mestre!!!! mandou bem! hoje estarei na torcida, espero que caia na mesa da tv para podermos acompanhar! Pra cima deles!!! #vamooooo

  4. Olá Akkari. Boa sorte hoje!

    Gostaria de tirar uma dúvida se possível. Se alguém que ler quiser responder também, fique à vontade.

    Nessa sua última mão de AK, se sai um board conectado no river, por exemplo mais uma carta de paus, ou dobra o J ou o T, a leitura seria a mesma da mão, com ele betando esse mesmo valor no river?

    Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s